Inspetor penitenciário é flagrado tentando entrar com carnes no Complexo de Gericinó, em Bangu


Um inspetor penitenciário foi flagrado nesta quinta-feira tentando entrar com carnes no Complexo de Gericinó, em Bangu. De acordo com a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap), os produtos seriam vendidos para milicianos presos no Instituto Penal Plácido de Sá Carvalho. A informação foi divulgada pelo O Dia.

A corregedoria da Secretaria informou que instaurou uma sindicância para apurar o caso. A Operação Iscariotes, realizada para coibir a entrada de materiais ilícitos com servidores, ajudou no flagrante do inspetor, que não teve sua identidade revelada.