Repórter da Record, Márcio Azevedo, agride verbalmente colega grávida durante coletiva


Estrelismo subindo a cabeça? Não se sabe. Nesta quinta-feira (12), jornalistas amazonenses foram surpreendidos com a falta de educação do colega de profissão Márcio Azevedo, repórter da TV Record (filiada de Manaus).

Segundo alguns repórteres que estavam em uma coletiva de imprensa na sede da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), o citado jornalista constrangeu e humilhou a colega grávida Roberta Bindá, da TV Amazonas, filial Rede Globo, agredindo verbalmente a profissional.

“Ele humilhou e constrangeu a repórter gestante, Roberta Bindá”, disse uma das testemunhas, que presenciou o momento da confusão.

Na ocasião, Márcio afirmou que Roberta teria empurrado seu microfone durante a entrevista com a delegada da Depca. Roberta, por sua vez, respondeu: “Você poderia ser mais educado!”, e Márcio teria rebatido com palavrão: “Eu estou trabalhando, p***a!”.

Ainda de acordo com as fontes, a própria delegada Joyce Coelho se espantou com a má educação do repórter.

Outros casos

O referido repórter tem agido de forma grosseira e sem educação para os demais colegas da imprensa. Tem sido recorrente os ataques de fúria, agressão física e verbal, incluindo palavras de baixo calão. As reclamações são desde gritos, xingamentos e cotoveladas.

A Associação de Blogs e Portais do Amazonas (ASBPAM) emitiu uma nota repudiando completamente o comportamento de Márcio, e disse, ainda, que tomará todas as medidas cabíveis.

Providências

À um portal local, o diretor da TV Record Manaus, João Batista, informou que conversará com o repórter Márcio Azevedo e que tal situação não se repetirá. “Generoso, estou me colocando à disposição da Associação de Blogs e Portais do Amazonas (ASBPAM), bem como todos os colegas dos blogs e portais em nome da TV Record Manaus, peço desculpas pelo inconveniente que não voltará a se repetir. Nesse tipo de disputa por espaço em coletivas, acontecem falhas. E essa falha será investigada por nós. Esta situação será levada para o nosso jurídico e RH. Tudo será apurado.”

Confira a nota na íntegra:

“A Associação de Blogs e Portais do Estado do Amazonas condena o comportamento do repórter Márcio Azevedo da TV Record Manaus. O referido repórter tem agido de forma grosseira e sem educação para os demais colegas da imprensa. Tem sido recorrente os ataques de fúria, agressão física e verbal incluindo palavras de baixo calão. As reclamações são desde gritos, xingamentos até cotoveladas.

O caso mais recente foi com repórter do PORTAL IMEDIATO (Maikon), Denivaldo (BAND), Portal do Generoso ( Mairkon Castro) e Roberta Bindá Rede Amazônica. Todos esses profissionais já foram ou agredidos fisicamente ou verbalmente pelo “senhor” Márcio Azevedo da TV RECORD MANAUS.

Providências serão tomadas junto a executiva nacional da emissora. Esperamos que a filial Manaus tome as devidas providência e que esse tipo de constrangimento não se repita.

Marcelo Generoso – Presidente da ASBPAM”